Arquivo da categoria ‘Razão e Fé’

Racionalizando sua fé

Publicado: 5 de agosto de 2012 em Razão e Fé
Tags:, , ,

Olá,

Sou Alex Monteiro, um cristão dependente da misericórdia de Deus e que nas horas vagas é um louco programador de computadores e venho neste primeiro post, abordar um tema que será o ponto central deste blog, “Racionalizando sua Fé”.

Para muitos a fé entra em total contradição com a razão, para outros a fé é a razão para algo fazer sentido nesta vida, mas o que vem ao caso seria “Como racionalizar a fé?”.

Em Hebreus 11.1 cita que “…a fé é o firme fundamento das coisas que não se esperam, e a prova das coisas que não se vêem” e no versículo 6 do mesmo capítulo lemos que “…sem fé é impossível agradar a Deus…”. A fé um ponto fundamental da vida do cristão. Mas levanto uma questão sobre isso: como minha fé tem sido exercida e em que ou em quem tenho depositado minha fé? Minha fé é racional ou alienada?

Então vamos vê se conseguimos algumas respostas:

A fé alienada é aquela exercida por pessoas que acreditam em algo, mas elas não fazem muito idéia do que estão fazendo, somente acreditam. Isso é perigoso, pois muitas pessoas que exercem este tipo de fé caem em conversas mentirosas, como vemos hoje em muitas igrejas, onde líderes destas instituições eclesiásticas ditam o que pode e não pode, o que se faz e o que não se faz, levando muitos a viver uma vida cristã longe daquilo que Deus instituiu para sua igreja, como posso citar por exemplo, pessoas que acreditam quem quanto mais dinheiro derem para as instituições, mais abençoadas serão, como Deus fosse um vendedor ambulante de  bençãos, só dando a benção quando a Ele for paga o valor referente a benção que o mísero pecador procura.

A fé racional é aquela exercida por pessoas que além de depositarem sua fé naquilo que lemos nos versículos de Hebreus 11.1 e 6, estas pessoas sabem em que acreditam e sabem que apesar de não vêem, elas sentem, elas vêem isso de forma presenciada em suas vidas. São pessoas que vivem da palavra de Deus e não da palavra de religiosos, pastores, padres, etc. São pessoas que se deixam serem ensinadas pelo Espírito Santo (João 14.26), elas não somente escutam, elas lêem a palavra, pensam, questionam e têm suas mentes transformadas pelo novo entendimento descrito em Romanos 12.2.

A fé racional é alimentada através de um relacionamento diário com Deus, baseado em oração e estudo da Bíblia, nos levando a exercer uma fé verdadeira, racionalizada pois em nosso relacionamento diário com Deus percebemos a veracidade daquilo que Deus no promete e cumpre em sua palavra e certeza daquilo que ainda virá, acontecerá. A medida que nos relacionamos com Deus, o conhecemos e também passamos a nos conhecer melhor, isso aumenta a confiança e confiança é um fator determinante da fé.

A fé racional torna os nossos ouvidos e olhos serem verdadeiros filtros, não filtros religiosos que criticam tudo, mas filtros racionais, onde identificamos o que é de Deus ou não, não importando a aparência externa que aquilo mostra, mas o conteúdo que aquilo carrega.

A fé racional nos leva a sermos questionadores, não questionadores chatos que só colocam defeitos em tudo, mas questionadores que sempre avaliam as circunstâncias da vida e o que está em sua volta, levando uma frase importante em seus questionamentos “O que Jesus faria?”, não tendo medo de expor aquilo que sua mente renova em Cristo contém.

A fé racional nos leva enfim a viver o que está em João 8.32 “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”.

Se fossemos continuar a falar sobre fé teríamos muitas mais coisas a falar, mas vou parando por aqui e faço um pedido a você leitor: Leia a Bíblia, ore, se relacione com Deus, permita que Ele te ensine, permita que ele renove sua mente e use a sua mente, pois Deus te deu um cérebro pra pensar e não para ser manipulado por pessoas. Defenda a fé verdadeira e a pratique.

Semana que vem continuaremos a buscar as respostas para os questionamentos deste post.

Abraço e tenha uma boa semana na paz de Cristo.